quarta-feira, 21 de julho de 2010

ciclo natural


de: Doia Holanda

O mar estar ficando agitado
Rios cheios
Outros secos de mais
É mãe natureza chorando raivosa
Reivindicando o seu espaço
Sem pena de ninguém
Espaço que lhe tem sido roubado
por covardes que acham que podem
Destruir nossa perfeita Harmonia no ciclo da vida.
O meu ócio nunca foi tempo perdido.
Olhos que meus olhos olham com amor e desejo
O bonito do brilho dos teus seios.

segunda-feira, 12 de julho de 2010

sonho de galo

de: Doia Holanda

por aí
desfiando meu carretel de sonhos e ilusões
crendo que é amado de coração
por aí
vivendo o meu disfarce
pra não chorar o tal do leite derramado
por alguém que tive um sonho bonito fingindo amado
sonho que não foi vingado
Apenas um sonho sonhado
sonho que levanta minha crista de galo
sonho que segura minha onda apaixonado
minha pipa no alto
minha bola de gude
meu brinquedo seguro
minha verdade
minha espora
meu cavalo
meu pé no chão
minha obra de arte
minha bola de meia rasgada
minha bagunça
meu Carnaval
meu por -do-sol bonito
minha praia
minha floresta
minha bela paisagem
meu quintal
minha boneca de milho
meu sonho encantado
paisagens que a mente e o coração fotógrafa
na visão do futuro e passado
presente nesta vida
por aí na paz.